Guerra fria

♫ Rockwell – Knife

armadura

Primeiro coloquei o elmo para evitar os tapas no rosto.
Depois coloquei o peitoral, contra os golpes desferidos pelas costas e contra os ataques  ao coração.
A manopla permitiu que as minhas mãos calejadas segurassem melhor a espada e o escudo.
Nas pernas os coxotes, as grebas e os sapatos tornaram mais difíceis as rasteiras e amortizaram as quedas.
Por fim, coloquei o resto da armadura.
Mas isso já faz tanto tempo que meu corpo se moldou a ela com extrema perfeição.
Ainda convivo com este peso do metal frio sobre o corpo.
Sob esta fortaleza fui a mais forte em muitas batalhas. Mas apenas com ela.
Que o inimigo nunca saiba que arrancá-la será doloroso e mortal.

 

Anúncios